Entenda Como Funciona O Mercado De Ações

Price movement. Stock exchange rates on monitor. Profit graph diagram. Electronic stock numbers. Profit gain. Business stock exchange. Live online screen. Concept on white background in flat design

Entenda Como Funciona O Mercado De Ações

Como Funciona A Bolsa De Valores???

Já surgiu aquela dúvida de como funciona a Bolsa de Valores? Como é a sua estrutura e, como são movimentados milhões de dólares diariamente?

Também, já parou para pensar qual seria a importância da Bolsa de Valores na economia do País? E, como você pode entrar nela?

Então, se você pensou em tudo isso e mais um pouco, continue lendo esse artigo e, aprenda mais com a gente.

Por que o nome é Bolsa de Valores?

Antes de falar como funciona a Bolsa de Valores, eu vou te explicar o que seria esse nome de Bolsa. Ou seja, por que o nome é “Bolsa de Valores” e não, por exemplo, Mercado de Ações.

Então, não existe uma data certa para definir a origem da bolsa pois, ela é bastante remota.

Segundo alguns historiadores, a origem das Bolsas de Valores remonta a Roma antiga.

Mas, as primeiras Bolsas com características modernas surgiram em meados do século XV com a expansão comercial.

A palavra Bolsa, no seu sentido comercial e financeiro, nasceu em Bruges, cidade Bélgica, onde se realizavam assembleias de comerciantes na casa de um senhor chamado Van der Burse (cujo brasão continha o desenho de três bolsas).

Como funciona a Bolsa de Valores - turn wise - van der burse

Porém, a Bolsa de Valores considerada a mais antiga do mundo é a de Amsterdã, que foi criada em 1602 através de recursos financeiros da associação de capitais vindos da Companhia Holandesa das Índias Orientais. E, ela é a mais antiga porque foi a primeira a realizar negociação de ações.

Daí então, com o passar do tempo a palavra Bolsa originou o sentido de ambiente ou espaço onde são ocorridas as comercializações de seus ativos.

Como funciona a Bolsa de Valores?

A bolsa de Valores ou, também conhecido como mercado de capitais é um mercado, onde pessoas e empresas se relacionam através da compra e venda de seus títulos de ações e, funciona como sendo um ambiente onde as entidades se reúnem para comercializarem os ativos que estão listados nela.

Então, se você decide vender uma ação e outro investidor em compra-la, o mercado de capitais será o ponto de negociação.

Seu principal objetivo é organizar essas negociações em um ambiente seguro, garantindo que você irá receber o dinheiro pelas suas ações e, o investidor receberá as ações que comprou, de forma eficiente, segura e justa. Além, de garantir que suas ações sejam guardadas em um lugar 100% seguro.

O pregão é o horário de negociação. Há muitos anos, as negociações ocorriam por voz, ou seja, as pessoas se reuniam para negociarem e as ordens de “compra” e “venda” eram ditas em voz alta.

Como funciona a Bolsa de Valores - turn wise - pregão antigo

Hoje em dia, o pregão é eletrônico e as pessoas podem comercializar através do seu Home Broker em casa. As ordens de “compra” e “venda” são enviadas para o sistema de negociação e ficam sendo aguardadas até serem comercializadas no book de ofertas.

A Bolsa de Valores brasileira é a B3.

Como funciona a Bolsa de Valores - turn wise - pregão moderno

Como entrar na Bolsa de Valores?

Para começar a investir é necessário que seja aberto uma conta em uma corretora de valores, seja vinculada a algum banco ou independente.

Como funciona a Bolsa de Valores - turn wise - corretora x bolsa

Quando, você decide investir, você envia sua ordem de compra ou venda através da sua corretora e ela repassa para o sistema de negociação do mercado de capitais, onde a sua ordem irá casar com uma outra ordem que alguém de mesma corretora que a sua ou diferente também enviou uma ordem.

Parece demorado, mas não é. Tal operação ocorre de forma extremamente rápida, em questão de segundos.

As Bolsas de Valores do mundo todo movimentam bilhões de dólares diariamente, para você ter uma ideia, a B3 quando nasceu, que foi a fusão da BM&FBovespa com a Cetip em 2017, e chegou a alcançar o posto de 5ª maior bolsa do mundo com valor de patrimônio de 13 Bilhões de dólares.

Então, para abrir a conta em uma corretora independente, entre em contato conosco

Qual a importância da Bolsa de Valores para a economia do país?

A Bolsa de Valores é importante para a economia do país porque ela fomenta o reinvestimento do capital da população na economia e, ao fazer isso também:

– Proporciona a geração de emprego;

– Investimentos de recursos na economia do país;

– As empresas melhoram suas práticas de gestão de transparência e governança, pois devem se enquadrar nas regras do mercado financeiro;

– Acontece a alavancagem empresarial, onde as empresas podem crescer contando com novos sócios;

– Abertura de participação societária para pequenos investidores, fazendo com que todas as pessoas interessadas possam participar de grandes empreendimentos.

E, ao estimular o crescimento das empresas no país, ocorre o reinvestimento da empresa também, como aumento de produção, maquinário e aumento da geração da receita que volta ao acionista como dividendos, bonificação ou juros sobre capital próprio.

Assim, todos saem ganhando. As empresas, os investidores, e a economia do país.

Observe a imagem abaixo para uma melhor explicação:

Como funciona a Bolsa de Valores - turn wise - importancia bolsa

Porém, caso deseje aprender de outra forma, temos um vídeo onde você pode ver toda essa explicação.

Como é regulada a B3?

Por ser um ambiente de negociação muito importante para o País e, onde também está propicio as más atividades de alguns investidores como, por exemplo, a lavagem de dinheiro e financiamento ao terrorismo, A B3 é regulada e fiscalizada por Órgãos Reguladores.

Como funciona a Bolsa de Valores - turn wise - SFN

Constituída dentro do Sistema Financeiro Nacional, a B3 está sujeita as ações do Conselho Monetário Nacional e da CVM.

A CVM é a Comissão de Valores Mobiliários e, é o órgão responsável por fiscalizar as atividades na B3.

A CVM conta com um braço chamado BSM, BM&FBovespa Supervisão de Mercados, que é o responsável por monitorar todas as atividades e agir quando alguma atividade suspeita é encontrada.

A BSM é um órgão discreto e funciona como um Tribunal dentro da B3. Ligado à própria Bolsa e tem por função garantir que todas as negociações sejam feitas da maneira mais íntegra possível. Monitorando o pregão a cada milissegundo.

Conclusão

De fato, para algumas pessoas, falar de Bolsa de Valores pode ser um bicho de 7 cabeças. Algo muito difícil e longe de acontecer. Para algumas pessoas pode até se ter a impressão de que irá perder dinheiro ao entrar.

Mas, não é bem assim. O Mercado de Capitais é um ambiente extremamente seguro e importante para a economia do País. Pois, além de incentivar o investimento nacional também atrai os investidores internacionais, impulsionando e financiando as empresas brasileiras.

Contudo, assim como todas as atividades na vida, é necessário um tempo de aprendizado e prática para um melhor desempenho para selecionar bons ativos e acompanhá-los. 

Caso você deseje aprender mais sobre a Bolsa de Valores e aprimorar seu conhecimento, conte com a ajuda de um assessor de investimentos.

Mas, se você deseja começar pela renda fixa, separamos alguns investimentos que você pode começar com pouco. Tais como: CDBs e LCIs.

Obrigado e até a próxima.

0/5 (0 Reviews)
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Artigos relacionado:

Deixe uma resposta

Novidades

Receba em seu email todas as novidades da Turnwise. E saiba antes de todos as novidades que vão te levar a conquistar sua liberdade financeira.